Coronavírus: preços de energia em queda no mercado livre

Analista de Gestão de Clientes
13 de março de 2020
Desafios da pandemia no setor elétrico
20 de março de 2020
Mostrar tudo

O preço da energia no mercado livre despencou para os meses de abril, maio e junho – com quedas de 27,24% para fonte convencional no próximo trimestre e redução de 20,91% no caso da energia incentivada, de acordo com a curva Forwar divulgada pela Dcide, empresa de soluções tecnológicas para o setor de energia elétrica. A curva de referência é formada a partir de um conjunto de contratos registrados de forma colaborativa na plataforma.

A energia convencional no Sudeste/Centro-Oeste estava sendo negociada há R$ 106,00/MWh para abril, caiu para R$ 90,00 ao longo dos últimos dias. Para maio, o preço estava em R$ 127,50/MWh e caiu para R$ 93,49/MWh. Para junho, o preço saiu de R$ 171,50/MWh para 127/MWh.

A Agência CanalEnergia apurou que consumidores estão buscando renegociar contratados em função da redução das atividades provocadas pela pandemia de coronavírus no Brasil. O avanço do Covid-19 fez as empresas adotarem medidas para preservação da saúde de seus funcionários. Setores como esporte, lazer e eventos estão adiando suas programações.

“Não temos um estudo especíco sobre o impacto da pandemia na carga, mas já observamos muitas empresas exibilizando jornadas de trabalho e, na medida do possível, liberando os funcionários para fazer home ofce, o que tende impactar no consumo de energia das empresas” disse o diretor de Operações da Electra Energy, Leonardo Salvi.

A expectativa do mercado é de redução no consumo de energia nos setores comercial e industrial; em contrapartida, espera-se um aumento no consumo residencial, porém, este setor está concentrado no mercado regulado.

Fonte: Canal Energia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *