Leilões para contratação de energia são postergados por tempo indeterminado

Impactado pela Covid-19, consumo de energia deve cair 0,9% em 2020
2 de abril de 2020
CMSE avalia impactos da pandemia do COVID-19 no setor elétrico brasileiro
3 de abril de 2020
Mostrar tudo

Diante do cenário de incertezas internacional e dos impactos econômicos decorrentes das medidas de contenção do coronavírus, o Ministério de Minas e Energia – MME postergou por tempo indeterminado os Leilões de Energia Existente A-4 e A-5, programados para 30 de abril de 2020, assim como os Leilões de Energia Nova A-4 e A-6, previstos para maio e setembro. A decisão foi publicada pela Portaria nº 134/2020.

O ministério fez questão de ressaltar que os certames não estão cancelados, desta maneira todas as etapas realizadas até o momento seguem válidas. Como as negociações vislumbram a contratação de energia para demandas futuras, há a expectativa que a atividade econômica se recupere e viabilize a contratação de novos empreendimentos ou contratação de projetos já existentes. Uma nova data será avaliada pelo Conselho Nacional de Política Energética – CNPE.

Os Leilões de Energia Existente A-1 e A-2, agendados para 4 de dezembro de 2020, não sofreram alterações com a Portaria.

Fonte: CCEE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *